Impactos de um ataque ransomware podem ser de curto e longo prazo

MicrosoftTeams-image (92)

SEGURANÇA CIBERNÉTICA | No ano passado, 50% dos ataques ransomware da América Latina ocorreram no Brasil, segundo estudo divulgado pela Apura. Em entrevista ao Tilt UOL, nosso escritório esclareceu que os impactos de um ataque ransomware podem ser de curto e de longo prazo.

A curto prazo, o que se observa é a interrupção de operações críticas da empresa ou pessoa afetada, bem como custos associados à resposta ao incidente, além da perda de produtividade.

Já os efeitos a longo prazo são caracterizados por prejuízos como diminuição de receita, dano à imagem (reputação da marca), demissões, perda de clientes e parceiros, e comprometimento da viabilidade do negócio.

No cenário global, de acordo com dados da Cybersecurity Ventures, os custos do crime cibernético têm previsão média de crescimento de 15% ao ano nos próximos cinco anos.

Leia aqui a reportagem completa.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp