Metaverso e herança digital: qual tratamento da propriedade intangível?

MicrosoftTeams-image - 2022-06-15T161259.772

METAVERSO E HERANÇA DIGITAL | Não há dúvidas de que o metaverso é um dos temas mais em alta do Direito Digital. No artigo “Metaverso e herança digital: qual tratamento da propriedade intangível?”, publicado na Noomis, nosso chairman e sócio-fundador, Renato Opice Blum, em parceria com nosso advogado Bruno Henrique Cordeiro, debatem se os bens adquiridos no metaverso integram ou não o patrimônio.

“Independentemente de como o Poder Judiciário encare o metaverso daqui para a frente, os bens nele adquiridos ou os fatos sociais nele existentes demandam tratamento especial, sobretudo porque a tecnologia já provou a que veio e que continua existindo para democratizar informações e agregar valores sociais”, afirmam.

Ainda de acordo com os autores, não há ainda resposta jurídica para o metaverso e as consequências nele existentes. Para eles, “o metaverso além de espelho da realidade é também uma extensão dela.

“Valorizar as tecnologias e adentrar em campos interdisciplinares pode ser encarado como primeiro passo para que não haja cometimento de injustiças sociais e econômicas, além de, claro, proteção à propriedade, bens e herança”, concluem.

Leia aqui o artigo na íntegra.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp